Plantas bolbosas

Plantar, semear

Não é por os bolbosteremuma vida fácil que nãolhes podemos... facilitar a vida!Algunsconselhos para obter os melhoresresultados …

Algumasprecauçõescom o sol

Os bolbos de flores receiam a humidadeestagnada e as terras compactas.  Dão-se muitobem nos solos pobres, arenosos e secos. As espécies de floração estival e nomeadamente as dáliasgostam da presença de húmus.  Contudo, em caso algum incorpore estrume fresco numaterra que irá receberbolbos.  Umapreparação específica do solo raramente é útil.

O meuconselho: atireumamão de areia para o fundo do buraco de plantação se a terra do seujardimfor argilosa.  Desta forma, evita que o bolboapodreça se o inverno formuitochuvoso.

Quando plantar?

fr_az-0200.jpgDe meados de setembroaofim de novembro, coloque os bolbos de floraçãoprimaveril no seujardimouem grandes vasos (25 cm de profundidade no mínimo).  É necessáriaumaplantaçãoprecocepois as plantas necessitammesmo do frio invernal para que a suafloraçãosejainduzida.  Coloque primeiro as espéciesmais precoces, para não provocar atrasos na floração.

Pode plantar tulipas tardias, coroas-imperiais, alhos porros e íris holandesa até dezembro.

Os bolbos de floração estival, como sãomaisfrequentementeespéciesfriorentas, nãodevem ser plantados enquanto os riscos de geadapersistirem.

Gestos corretos para plantar

Utilizeum plantador (pontiagudo) para os bolbospequenos e umtransplantador (pequenapá) para os maiores. Os plantadores de bolbossãopráticos, desde que a terranãoesteja demasiado empastada.  Escolha-os para plantar bolbosnum relvado porque permitem tirar a relva de forma adequada e voltar a colocá-la no lugar com a suaamostra de terra.

Coloque o bolbo da coroa-imperial obliquamente no solo, para que a águanãopossaestagnar na cavidade do bolbo, arriscando o seuapodrecimento.

Plante, emmédia, a uma profundidade igual a duasvezes a altura do bolbo.Isso representa cerca de 20 cm para: canna, capuchina bolbosa, dália, eucomis, coroa-imperial, isménia, lírio, tulipa de grande flor, 15 cm para os grandes alhos-porros, camassia, colchicum, erythronium, galtonia, gladíolo, gloriosa, jacinto, narciso, nerine, 10 cm para: pequenosalhos-porros, babiana, crocus, muscari, leucojumvernum, cila, ornithogalum, ranúnculo, tigrídia, 5 cm para: eranthishyemalis, anemone blanda, chionodoxa, estrelita, galanthusnivalis, sparaxis, tulipa botânica, etc. 

Não se esqueça da estética!

fr_az0201.jpg

Para obterum conjunto homogéneo ou criar umpadrão, tem de plantar os bolbosde forma bastante regular e a umaprofundidade constante.Limpe o solo até à profundidade de plantação ideal.  Plante os bolbos colocando-os na vertical no solo.

Garanta umespaçamento regular utilizando a suamão como referência:  um intervalo da largura de um dedo para os bolbospequenos (crocus, anemone, eranthishyemalis, íris bulbosa), dois dedos para galanthusnivalis, muscaris, cilas. Três dedos para as ornithogalum, estrelitas, jacintosselvagens, brodiaea. Quatro dedos para as tulipas botânicas, pequenos narcisos, jacintos, leucojumvernum, ranúnculo. Umamão para as grandes tulipas, fritillarias, alhos porros e narcisos. Em seguida, cubra a suaplantação de forma homogénea, comuma mistura de partes iguais de terra, areia e substrato.